sexta-feira, 14 dezembro, 2018

Olá aventureiros! Como estamos?

Vamos falar de um Financiamento Coletivo quentinho que está para sair?

Trata-se de AVENTURAS, FOICES & FEITIÇOS do autor Marcelo Paschoalin, já conhecido autor de livros e publicações de RPG. AF&F é um sistema de RPG com tema medieval fantástico que usa conceitos da OGL (SRD v3.5) e que traz em si um guia completo para mestres e jogadores. Robusto, com 304 páginas em preto e branco, tem a premissa de trazer um RPG completo, nostálgico em certos pontos, a um preço bem acessível.

O livro começa apresentando o que é RPG e suas particularidades. Usando dois dados de 6 faces (2d6) para praticamente tudo, desde geração de atributos à testes de perícias, me parecendo eficaz em sua premissa, abrangendo suas características entre os números 2 e 12, tornando o entendimento e fluxo de jogo bem orgânico. Existem situações em que se pedirá para jogar um misterioso d66, tendo o primeiro dado como dezena e o segundo como unidade, mas são raras as ocasiões.

Após apresentação bem superficial do sistema, chegamos ao capítulo de elaboração de personagens. A partir daí o autor usa da técnica de fazer um personagem de exemplo junto com a explicação, pontuando bem cada etapa. Em atributos temos os famosos 6 (Força, Destreza, Constituição, Inteligência, Sabedoria e Carisma), variando de 2-12, tendo como média típica 7 e com valores de bônus e penalidades atrelados à eles.
Existem dois métodos de geração de atributos, o primeiro mais rígido, em que se jogam os 2d6 e segue a risca os atributos, entretanto ignora-se e substitui o menor valor por um 12 se a soma total destes for menor que 36. Já no segundo método, os valores são jogados e distribuídos ao gosto do jogador.

Chegando às classes, temos os clássicos Guerreiros, Ladinos, Sacerdotes e Feiticeiros, além de outros dois, Anão e Elfo. Os mais saudosistas irão lembrar lá de tempos passados, das Caixas Coloridas e Rules Cyclopedia de D&D, onde Anões e Elfos eram mais que raças, eram perfeitas classes, sendo o Anão uma espécie de Guerreiro/Clérigo e o Elfo um Guerreiro/Mago. Em AF&F os Elfos seguem esse termo, tendo suas habilidades mágicas voltadas para natureza. Já os Anões são diferentes de sua versão nostálgica, sendo um tipo de Guerreiro mais voltado à proteção, e lutam com criaturas maiores que eles.
Cada um possui uma história original, como por exemplo, a descrença dos Anões em divindades e a perda da imortalidade dos Elfos.
As classes começam do nível 1 e se desenvolvem até o nível máximo de 12. Aqui elas se apresentam semelhantes como nas versões 3.0 em diante de Dungeons & Dragons, com as classes ganhando habilidades exclusivas, Pontos de Vida e Bônus de ataque por nível alcançado. Esta evolução está vinculada ao ganho de Pontos de Experiência, o que não é nenhuma novidade para os rpgistas.
Talvez a maior diferença esteja nos Pontos de Vida, em que a cada nível você joga o TOTAL de dados de vida para este novo nível, ignorando o total de Pontos de Vida anteriores se este for mais baixo que o jogado agora. Uma boa oportunidade para ter sorte e melhorar seus PV’s! Para dar aquele toque ao background, existe uma lista de Antecedentes, conferindo mais conteúdo ao personagem e uma lista de equipamentos iniciais.

Com o personagem gerado, entramos na parte de Perícias, que estão em uma lista bem abrangente, porém direta e eficaz. Perícias geram Vantagem nas situações em que elas são pertinentes.
Os sistemas de Vantagem e Desvantagem são tratados ao adicionar um dado, ou seja, totalizar 3d6 e pegar os dois melhores ou piores resultados, dependendo da situação de Vantagem ou Desvantagem. Todo teste é feito com 2d6, acrescentando os bônus de atributo mais o bônus de experiência do personagem (a partir do nível 4 já ganha), e levando-se em conta se há Vantagem ou Desvantagem. Para guiar, existe uma tabela de dificuldade para os testes, um número alvo a ser atingido.

Na parte de combate o sistema abrange a divisão de ações em fases que totaliza um turno do personagem. É cadência a seguir desde a movimentação, ataques de todos os tipos, até a curiosa fase de Moral, no qual a nostalgia volta das épocas de AD&D, onde se jogava a moral dos grupos dependendo de como andava o combate. Os rolamentos pertinentes ao combate seguem a mesma linha dos 2d6 mais modificadores, mesmo os feitiços. Aliás, o nome ”Feitiços” não está à toa no título deste RPG. O livro conta com uma grande variedade de magias, desde originais até as mais clássicas, tendo uma regra bem elaborada para a invocação das magias, levando em conta a complexidade dela. Muito interessante.

Uma curiosidade: não existem acertos automáticos (no caso 6 e 6 nos dados), porém existe falha automática, não importando os modificadores (1 e 1 nos dados). Tenso, hein?

Prosseguindo, o livro direciona-se agora ao mestre do jogo, auxiliando como lidar com condições de personagens, armadilhas, ambientação, recompensas (sim, tem itens mágicos!) e até como montar uma campanha e a ambientação para mesma. Apesar de passagens nostálgicas, o livro aqui também trata de regras e dicas atuais, como movimentações e ações em hexágonos e grids. Há também um guia de construção de masmorras e um robusto bestiário, com monstros para todos os gostos e níveis de dificuldade.

O livro termina com uma aventura introdutória, uma pequena ambientação para dar aquele começo nas desventuras dos heróis e um guia rápido para construção de personagens, invocação de feitiços, lista de nomes e um prático modelo de ficha de personagem.

Conclusão

Pontos Positivos: se você procura e é fã de ambientação medieval fantástica, principalmente de D&D e AD&D, você se encontra aqui. É um livro bem completo, de escrita simples, com regras para jogadores, mestres, além de bestiário, ambientação, dicas e tudo somado a um simples sistema que usa apenas 2d6. Seu acabamento é simples, mas por isso virá em um preço bem camarada no financiamento coletivo. Pra você que não pode dispor de uma grana para RPG e procura algo nestes moldes, é um prato cheio.

Pontos Negativos: talvez por lembrar tanto o D&D e AD&D não agrade algumas pessoas, que procuram algo diferente disso, diferente do tradicional. Os fãs de um conjunto de regras complexo e robusto também podem achar simples demais.

No final, Aventuras, Foices & Feitiços é um livro bem bacana, que por si só garantirá muitas horas de diversão para você e seu grupo de RPG.

Aventuras, Foices & Feitiços entrará em financiamento coletivo pelo Catarse dia 5 de Novembro, na próxima segunda.

Segue o link: https://www.catarse.me/foices

Tags: , ,

Curta nosso Facebook!

SIGA-NOS

INSTAGRAM

Estamos ON!
Estamos OFF :(